Entendendo a gordura localizada

A gordura localizada é o resultado do acúmulo de energia que não foi gasta pelo corpo e que é armazenada em forma de gordura em algumas regiões.

Em primeiro lugar, essa energia vem da ingestão de alimentos como carboidratos, proteínas e gorduras consumidas em uma quantidade maior do que as necessidades do corpo. Em consequência, o organismo entende que precisa guardar uma reserva para quando, por algum motivo, você deixar de se alimentar. Esse processo é um instinto natural de sobrevivência.

Por isso, constantemente o excesso de energia se transforma em células de gordura, que ficam armazenadas no tecido adiposo. O acúmulo dessa gordura em determinados locais dá origem à gordura localizada, que acaba incomodando e afetando a autoestima. 

Imagem representativa da gordura localizada
Onde os pontos da imagem representam:
1- O tecido adiposo
2 – A célula de gordura (adipócito)

Por outro lado, alguns fatores externos também favorecem a formação da gordura localizada, tais como:

  • Má postura, que deforma o contorno corporal
  • Excesso de peso devido ao alto consumo de calorias
  • Falta de exercícios físicos, que faz com que as calorias em excesso não sejam gastas. 

Por que a gordura localizada se acumula em regiões específicas?

As regiões de acúmulo de gordura se diferem conforme o sexo: 

regiões de acumulo de gordura localizada no homens e na mulher
  • Nas mulheres, ocorre principalmente no quadril e nas coxas
  • Nos homens, acontece na região da barriga

Essa diferença de localização da gordura localizada em homens e mulheres acontece principalmente pelos hormônios que favorecem o armazenamento de gordura e que são diferentes em cada um desses grupos.

Por exemplo, nos homens o principal hormônio responsável pelo armazenamento de gordura é o cortisol. Ele está em maior quantidade nesse grupo do que nas mulheres. Esse hormônio é como uma chave que abre as células adiposas do abdômen para que a gordura entre. Em consequência, tem-se um maior acúmulo nessa região. 

O estrogênio, hormônio predominante nas mulheres, tem a chave para abrir as células de gordura e direcionar o armazenamento para coxas e quadril. Além da gordura localizada que se apresenta nessa região, as mulheres sofrem com a formação da celulite, consequência do aumento do tamanho das células de gordura. 

Além disso, essas diferenças de locais de armazenamento de gordura também estão relacionadas às funções fisiológicas e até naturais dos homens e das mulheres. Isso porque o tecido adiposo (que armazena a gordura), além de ter a função de reserva energética,  protege órgãos vitais, fazendo a proteção mecânica em regiões como a abdominal, e serve como um isolante térmico do organismo. Por isso, esses órgãos ficam predominantemente no abdômen. Já nas mulheres, as coxas e o quadril são regiões de suporte importante para a reprodução e a gravidez.

Gordura localizada: como ocorre?

Bom, já sabemos o que é a gordura localizada e também por que ela fica em regiões diferentes nos homens e nas mulheres. Agora vamos entender como as calorias se transformam em gordura.

Primeiramente, para que as calorias se transformem em uma molécula de gordura, é necessária a interação de dois fatores principais: as enzimas e os hormônios. 

Como isso acontece?

Primeiramente, é preciso que as proteínas, os carboidratos ou os lipídeos excedentes da dieta se transformem em moléculas de glicose, que é a energia usada pelo corpo. Depois, a glicose transforma- em triglicérides, que são então armazenadas nas células de gordura e constituem a nossa reserva energética. 

Esse processo de conversão de glicose para triglicerídeos ocorre com a ajuda de uma enzima chamada de fosfodiesterase. Veja a sequência desse processo na imagem abaixo

Processo de conversão da glicose em gordura.
Processo de conversão da glicose em gordura.

Ou seja, a glicose em excesso “encontra-se” com a enzima fosfodiesterase, que se transforma em triglicerídeos. Os hormônios então direcionam os triglicerídeos para as células de gordura. O acúmulo consequente gera a gordura localizada. 

Como perder a gordura localizada?

Para diminuir a gordura localizada, em primeiro lugar é necessário o consumo de menos calorias do que o corpo precisa, ou então um maior gasto do que o consumido pela alimentação. Dessa forma, o corpo vai precisar usar aquela reserva energética que está nas células de gordura. 

Para usar essa gordura , é preciso fazer o caminho inverso, transformando os triglicerídeos em fonte de energia, que é chamada ATP.

Para que ocorra esse processo, os triglicerídeos se “encontram” com outra enzima chamada HS Lipase, gerando com isso ácido graxo e glicerol (lipólise). Na sequência, o ácido graxo e o glicerol vão para a corrente sanguínea, ficando disponível para as células poderem produzir o ATP ou a energia celular. 

A concentração de HS Lipase é estimulada por outra molécula, a AMPc, que está constantemente sendo produzida e inativada conforme as necessidades do corpo. 

Em resumo, quando o corpo precisa de energia e não tem uma fonte disponível, os triglicerídeos que estão nas células de gordura, transformam-se em ácidos graxos e glicerol e vão para na corrente sanguínea. Essas duas moléculas então serão usadas para fornecer a energia necessária. 

Como agem os dermocosméticos redutores?

Como vimos, o corpo usa as fontes de energia que estão armazenadas nas células de gordura. Porém sempre vai buscar primeiro a gordura de mais fácil acesso, que normalmente não é aquela das regiões como culote, abdômen, coxas e braços. Como mencionado, essas reservas são também estratégicas para a proteção do organismo. 

Nesse sentido, os dermocosméticos entram para dizer ao corpo que a fonte de energia de que ele precisa é aquela do local de aplicação do produto. 

E como eles fazem isso?

Bom, cada produto tem a sua forma de ação, mas de modo geral, os produtos redutores estimulam a quebra das células de gordura para se transformar em ácido graxo e glicerol, deixando essas moléculas preparadas para serem usadas como energia. Assim, quando o corpo precisa, vai usar essa energia que está ali de fácil acesso. 

Antes (imagem a esquerda) e depois (imagem a direita)

Por outro lado, se a sua dieta energética é maior do que o gasto, essas moléculas voltam a se transformar em células de gordura. Em outras palavras, para perder medidas é necessário ter um consumo de calorias menor do que o gasto diário, ou um aumento energético com atividades físicas para que o corpo use essa energia sobrando e não ocorra rearmazenamento. 

Portanto, os dermocosméticos são os facilitadores do consumo da energia armazenada no local de aplicação do produto. Assim, o corpo vai usar aquela reserva energética específica de difícil remoção sozinha, e não de uma outra região. 

Por fim, fica a reflexão: perder medidas é uma conta simples de reduzir as calorias ingeridas para aumentar a queima da gordura armazenada.

Por outro lado, o processo para que isso aconteça é complexo e envolve muitos outros fatores como hormônios, enzimas e diversos mensageiros químicos que não abordamos aqui e que ficam para um próximo post 😉

Agora nos conte: o que você achou do conteúdo? Você já sabia como a gordura localizada se forma no corpo? 

Como Perder GORDURA LOCALIZADA ?

Quem nunca quis perder aquela gordura localizada que fica acumulada no abdômen, na coxa, nos braços ou naquele lugarzinho que nem a academia dá conta de resolver?

Essa gordura é difícil de ser perdida porque o nosso corpo trabalha o tempo para a manter uma reserva energética para quando, por algum motivo ou condição extrema de uma dieta deficitária, tenha meios de manter as suas funções vitais usando essa reserva em forma de gordura que fica armazenada nesses locais e que tanto nos incomoda. Explicamos como isso acontece no post “Entendo a gordura localizada“.

Para ajudar a perder a gordura localizada, o Alpha Redux Coffee Sérum Concentrado é o parceiro ideal. Esse sérum reduz as medidas e a gordura localizada de forma eficiente, além de ajudar na melhora da celulite. Ele possui três formas de cafeína que estimulam a queima da gordura no local de aplicação, deixando em moléculas livres para que possa ser utilizar em forma de energia.

Mas lembre-se de que os produtos cosméticos auxiliam e facilitam a redução de medidas nas áreas desejadas, liberando energia para o corpo consumir. Porém, se essa energia não for utilizada de alguma forma, ela voltará a ser armazenada na forma de gordura novamente. Por isso, associe o uso do Sérum Concentrado com alguma atividade que consuma energia, seja ela academias, caminhadas, danças ou outras que mais agradarem você. O que vale e importa é gastar calorias e praticar alguma atividade física, pois isso ajudará na melhora do corpo e da qualidade de vida.

O Alpha Redux Sérum Concentrado combate também o famoso efeito sanfona, dificultando o novo armazenamento de células de gordura. Sua formulação e seus ativos são altamente tecnológicos e biocompatíveis com a pele, e sendo assim, ele consegue penetrar na pele até as camadas mais profundas onde sua ação redutora acontece.

Fácil e rápido de usar, necessita apenas de 1 minuto do seu dia. É só aplicar algumas gotinhas na região em que se deseja reduzir a gordura, espalhar e pronto! O produto absorve rapidamente, não deixa resíduos na pele e nem aquela sensação pegajosa. Nem vai parecer que você está usando algum produto. Uma dica legal é aplicar o sérum antes da atividade física e após o banho, depois do exercício, porque o produto fica agindo por até oito horas  😉

O Alpha Redux Coffee Sérum Concentrado foi testado e aprovado por vários voluntários, 75% dos quais perceberam a redução de medidas e de gordura localizada logo após 15 dias de uso do produto. Já 90% perceberam a redução após 28 dias de uso do produto. Os testes são realizados por laboratórios independentes e credenciados pela ANVISA, comprovando a veracidade das informações.

Use, curta e aproveite todos os benefícios desse aliado para a redução da gordura localizada de forma fácil e ágil. Quer saber mais sobre essa maravilha? Acesse o nosso site! Lá tem muita informação sobre os benefícios e sobre a ação do Alpha Redux Coffee Sérum Concentrado.

Manchas na pele: Saiba como tratar

Manchas ou marcas escuras da pele, como são conhecidas as hipercromias, são um dos problemas que mais afetam a aparência feminina. 

Elas decorrem de diversas causas e estão relacionadas principalmente a fatores hormonais (uso de anticoncepcional, gravidez, entre outros) e exposição ao sol.

Primeiramente, vamos ver quais são os tipos de manchas:

  • marcas solares, devido ao excesso de exposição ao sol sem proteção
  • marcas senis, decorrentes da idade; 
  • as marcas pós-inflamatórias, que ocorrem depois de algum processo inflamatório na pele, como acne; e
  • melasma, que está relacionado na maioria das vezes a fatores hormonais e exposição ao sol.

Então, como agora você já sabe os tipos de manchas, vamos falar da origem dessas marcas escuras. Elas aparecem devido a produção descontrolada de um pigmento produzido pela nossa pele que se chama melanina.

A principal função da melanina é proteger o DNA das células contra os radicais livres e o estresse causados principalmente pela exposição à radiação solar e por processos inflamatórios. Sendo assim, quanto mais exposição ao sol ou quanto mais agredida a pele for, mais melanina produzirá para se proteger e maiores serão as chances do aparecimento de marcas indesejadas.

Por isso, é sempre bom prevenir a formação de manchas, tomando alguns cuidados para proteção contra os efeito danosos do sol. Por outro lado, se as marcas já apareceram na pele, a baixo temos umas dicas de como tratar em casa.

Como tratar as manchas na pele?

As marcas escuras aparecem normalmente em áreas expostas ao sol. Para clarear a pele de regiões como rosto, pescoço e mãos, principalmente o melasma, é necessário proteger a pele diariamente com protetor solar e usar produtos que fazem o controle da produção de melanina. 

Nessa tentativa de acabar com as manchas, muitas pessoas procuram por receitas caseiras, e aí é que mora o perigo, já que muitas dessas dicas não só não funcionam como também podem gerar marcas ainda maiores na pele. 

Então, se você quiser clarear a pele de forma efetiva e segura, nós da Extratos da Terra recomendamos a linha Dermolight, que é uma linha de clareamento de pele desenvolvida para tratar as diferentes marcas escuras existentes – melasma, pós-inflamatórias e solares.

A linha também auxilia no clareamento de marcas da idade tanto de regiões como rosto, pescoço, colo, mãos, entre outras. Possui produtos para uso de profissionais de estética, mas também contempla produtos para tratar as manchas em casa.

Tanto  os produtos profissionais como os para uso em casa agem da mesma forma em 15 pontos-chaves da formação das marcas escuras e também reduzem as marcas já presentes na pele.  

Como diminuir as manchas em casa?

Você pode tratar as manchas em casa, mas é muito importante monitorá-las e, se observar frequentes alterações em textura ou tamanho. Também é aconselhável procurar um médico para melhor diagnosticar o tipo de mancha, ok?

O tratamento home care é simples e rápido, pois concentra todos os benefícios necessários para o tratamento em apenas três produtos diários e de uso constante. 

Mas, a linha também conta dois potencializadores no processo de clareamento:

  • Máscara iluminadora, para uso de uma a duas vezes na semana
  • Clareador pontual, para aquelas manchas que são mais resistentes como o melasma, devendo usa-lo somente nos locais com esse tipo de mancha.

Dessa forma, esses produtos entregam diariamente doses constantes de ativos que promovem o clareamento da pele e evitam a formação de novas manchas.

Vamos aprender como usar os produtos?

Primeiramente, não se preocupe, a forma de usar é simples, sem complicações, e vou explicar o porquê de usar cada um dos produtos. Então, que tal começar hoje mesmo a tratar as marcas que te incomodam?

Para começar, a rotina de cuidados diários é composta por três passos e 2 que podem ser opcional e potencializadores. São eles:

  1. Limpar a pele com a espuma de limpeza
  2. Aplicar o sérum de controle das manchas
  3. Aplicar o protetor solar clareador

Mas, para quem tem manchas mais resistentes, poderá compor seu tratamento com mais dois produtos.

  1. sérum pontual, após limpar a pele com a espuma
  2. Máscara iluminadora de uma a duas vezes na semana após a limpeza com a espuma e antes do sérum pontual.

Confira como é o passo a passo completo.

Passo 1: limpeza e esfoliação

Primeiramente, vamos limpar a pele como a GlycoAcid Detox e secar bem.

Por que devo usar a GlycoAcid Detox?

Essa espuma prepara a pele para que os outros produtos consigam ter o máximo de eficiência.

Além disso, limpa e diminui a espessura da camada mais superficial da pele, ajudando a eliminar as células mortas que já estão pigmentadas.

Passo extra: potencializando o tratamento

A Máscara Iluminadora não precisa ser usada todos os dias, apenas de 1 a 2 vezes por semana. Passe de forma uniforme por todo o rosto ou, se preferir, use só nas manchas mais evidentes após limpar o rosto. Deixe agir por 15 minutos e retire. Seque bem a pele na sequência.

Por que devo usar a Máscara Iluminadora?

A máscara aumenta a hidratação da pele e você vai perceber o clareamento mais rápidos.

Ela também possui ingredientes que ajudam a controlar a formação de novas manchas.

Passo opcional: clareamento pontual em marcas mais resistentes

Se tiver marcas escuras resistentes ou mais destacadas, aplique o clareador pontual Nanospot somente sobre essas marcas após limpar a pele com a espuma. Deixe absorver e não retire.

Por que devo usar Nanospot?

O Nanospot é para aqueles casos em que as manchas são localizadas e mais intensas. Essas manchas são mais resistentes e demoram mais para serem clareadas.

À medida que se usam produtos para clareamento no rosto inteiro, esse tipo de mancha pode ficar ainda mais destacada, pois as outras regiões da pele ficam rapidamente mais claras.

Por isso, o clareador pontual, que tem ativos mais concentrados, vai trabalhar de forma mais intensa nessas manchas, o que torna a pele mais uniforme.

Passo 2: tratamento diário para redução das manchas.

Aplique o Sérum M-Solution em todo o rosto e não retire. Esses passos devem ser realizados duas vezes ao dia, pela manhã e à noite.

Por que devo usar o Sérum M-Solution?

Esse sérum contém vários ingredientes que impedem a formação de novas manchas e promovem o clareamento das marcas já existentes.

Ele age desde a superfície da pele até a camada mais profunda, onde a melanina é formada. Desta forma, o resultado percebido é uma pele mais uniforme, mais iluminada e mais clara.

Passo 3: proteção solar, prevenção e controle das manchas

Pela manhã, aplique o Tonalizante Clareador em todo o rosto, colo e pescoço, e reaplique sempre que necessário.

Por que devo usar o Tonalizante Clareador?

Primeiro porque o sol é o maior causador das manchas, e de nada adianta passar produtos clareadores se não fizer a proteção contra os raios UV.

Segundo porque o produto também tem ingredientes que controlam a formação de marcas escuras.

E terceiro porque ele é tonalizante e assim ajuda a disfarçar as marcas mais escuras, deixando a pele com tom bem mais uniforme sem a necessidade de usar base.

Uma boa dica é aplicar o Pó Multiproteção FPS 50 sobre o Tonalizante Clareador. Assim a proteção é completa contra os raios UV, contra a luz azul e a poluição digital, que também podem causar as manchas.

O protetor em pó é de fácil aplicação e muito prático para reaplicar durante o dia. Ele pode também pode ser aplicado sobre a maquiagem e faz o controle da oleosidade, deixando a pele matificada o dia todo.

Gostou do conteúdo e quer se livrar das manchas que tanto te incomodam?

Então confira os benefícios completos dos produtos em nosso site. E depois nos conte a sua experiência com a linha Dermolight.

Ah, tem mais um detalhe muito importante: esses produtos podem ser usados o ano inteiro, inclusive no verão. Então, vamos deixar a pele radiante?

Lucimara da Cunha
Cosmetóloga e Engenheira Química
Analista de Marketing e produtos