Arquivo da tag: Dica

Tudo que você precisa saber sobre as Argilas Naturais

A argila é um ótimo recurso natural para cuidar da beleza da pele e prevenir os efeitos do tempo. As argilas naturais possuem ações bactericidas, regeneradoras, anti-inflamatórias e antissépticas, muito eficazes no aumento da elasticidade e na purificação da pele. São também ricas em nutrientes como ferro, cobre, alumínio, magnésio, zinco, cálcio, silício e potássio, oligoelementos que funcionam como um “tratamento de choque” para diversos problemas na derme.

Os tratamentos com argila, conhecidos como geoterapia, sempre foram muito usados pelos povos da antiguidade – como os egípcios, que já conheciam os benefícios dos banhos de argila, assim como parte da população nativa da Amazônia. Seu poder tonificante, descongestionante, regulador, absorvente, calmante, cicatrizante e purificador faz da argila um produto completo e grande aliado da pele saudável.

Existem diferentes tipos de argila natural, e cada uma deles possui quantidades diferentes de nutrientes em sua composição, agindo, consequentemente, de diversas formas quando aplicadas na pele. Conheça:

Quais os tipos de argila?

Argila verde: possui a maior diversidade de oligoelementos (magnésio, silicato, potássio, cálcio, fosfatos, óxido de ferro, alumínio, manganês, titânio, entre outros) e é excelente no tratamento facial, corporal e capilar. Tem ação tonificante, remineralizante, absorvente e estimulante. Promove a esfoliação da pele, combate edemas, nutre os tecidos e absorve toxinas. Possui ainda ação antisséptica, absorvente, adstringente, tonificante e cicatrizante, e auxilia na retirada de impurezas, agindo como esfoliante suave e clareador de manchas superficiais – o que proporciona vitalidade à pele. No cuidado corporal, é recomendada para combater a celulite e a flacidez.
A argila verde é indicada para todos os tipos de pele.  

Argila preta: conhecida como “lama negra”, é considerada um material muito nobre. Possui grande quantidade de matérias orgânicas e enxofre, sendo a mais ácida das argilas. Rica em ferro, acelera a renovação celular, estimula os colágenos, atua na pele madura e propicia  intenso poder rejuvenescedor da pele do rosto. Possui ação estimulante adstringente, redutora, anti-inflamatória, antiestresse, desintoxicante e adstringente, além de melhorar a circulação sanguínea. Nos tratamentos corporais, é recomendada para celulite, redução de medidas e flacidez.
A argila preta também é indicada para todos os tipos de pele.

Argila branca: é o tipo de argila com maior quantidade de silicato de alumínio, caolinita e sais minerais. Possui pH próximo ao da pele, por isso atua como revitalizante natural com ação clareadora, suavizante e cicatrizante. Promove aumento da oxigenação de áreas congestionantes, clareia manchas e reduz rugas e sinais de expressão. Funciona também como um ótimo esfoliante mineral. No cuidado facial, é recomendada para peles oleosas, acneicas e com manchas, pois absorve a oleosidade e combate cravos e espinhas.
A argila branca é indica para peles sensíveis.

Como aplicar?

Para começar, antes da aplicação das máscaras, limpe bem a pele do rosto, retirando maquiagem e resíduos de sujeira. Escolha a argila natural (verde, preta ou branca) conforme sua necessidade e misture-a com água mineral, tônico ou fluido facial até formar uma massa pastosa, lisa e uniforme. Aplique essa massa no rosto usando movimentos circulares ou, se preferir, com o auxílio de um pincel de cerdas firmes. Evite as áreas dos olhos e boca, contornando essas regiões. Deixe secar naturalmente e evite movimentos musculares faciais, deixando agir durante 20 a 30 minutos. Relaxe e aproveite esse momento! Depois, com um algodão embebido em água fria ou morna, retire toda a argila e aplique seu hidratante facial. É interessante evitar maquiagem por algumas horas, logo após o uso da argila. Assim sua pele poderá respirar e potencializar todos os benefícios do produto.

A argila provoca reações na pele?

É normal, durante a aplicação da máscara de argila ou logo após a sua retirada, sentir uma certa sensação de dormência ou notar um “vermelhidão” na pele. Não se preocupe, isso acontece porque a circulação foi ativada naquele local. Escolha a argila de acordo com os efeitos necessários para o seu tipo de pele – isso é importante para não agredi-la demais e para obter resultados imediatos. Os efeitos serão positivos e você se tornará fã da argila.

Repetir o procedimento a cada 15 dias, com a argila ideal para a sua pele, é suficiente para mantê-la sempre saudável, macia,  livre de impurezas e renovada.

Teste em casa e conte pra gente sobre os seus resultados! 😉

Diabetes: Cuidados com a Pele

A nova leitura da área estética em relação a como tratar os problemas de pele e envelhecimento cutâneo é focada muito além do que se observa na superfície cutânea, mas sim uma leitura mais profunda onde o dermocosmético contenha ativos que entendam a fisiologia e bioquímica da pele.

diabetes

Falando nisso com certeza você já ouviu ou leu que a Diabetes é uma doença crônica que exige atenção diária com a glicemia e traz muitos problemas para a saúde num todo. E a diabetes deve ser levada e consideração na hora do preenchimento da anamnese, pois pode trazer várias modificações da pele de todo o corpo.

A diabetes é responsável pela desidratação, ressecamento, fissuras, descamação, manchas e lesões de pele.

O ressecamento de pele torna-a áspera e escamosa esteticamente desagradável e uma porta aberta para outras patologias. Quando não tratada pode resultar em perda de elasticidade, rachaduras, eritemas e até inflamações.

O paciente com diabetes deve ter o cuidado redobrado no que se refere a hidratação e proteção, os cosméticos devem ser capazes de restaurar a barreira cutânea através de ativos inteligentes e funcionais. A hidratação e proteção intensa da pele do diabético previnem lesões importantes derivadas da doença. Ômega 7 um creme muito bem indicado.

omega_7_01omega_7_02

Elizete Garcia

Coordenadora Técnica da Extratos da Terra.