Arquivo da tag: nanotecnologia

Como acabar com a celulite

Acabar com a celulite é o desejo de cerca de 90% das mulheres que sofrem com esse problema. Neste post, vamos falar do tratamento da celulite com o auxílio de um profissional de estética.

Para você escolher qual o melhor tratamento para a celulite, o ideal é entender como ela surge e por quê. Para isso, veja o conteúdo que fizemos explicando como a celulite se forma. 

Celulite: entendendo os fatores envolvidos

A celulite é mais comum em regiões de acúmulo de gordura como coxas, abdômen, glúteos e braços. Partes essas do corpo que ficam em bastante evidência. Por esse motivo, muitas mulheres buscam tratamentos e recursos que melhorem o aspecto acolchoado da pele, conhecido popularmente como “casca de laranja”. 

Com o aumento de tamanho das células de gordura, a circulação do local também fica prejudicada. Como resultado, aumenta o acúmulo de líquido no local e piora a aparência ondulada da pele.

Esse aumento de edema também vem acompanhado de toxinas, que pioram o quadro da celulite, podendo chegar até a graus mais graves, com inflamação e dor no local.

Olhando para essas causas, já podemos imaginar que acabar com a celulite envolve diversos fatores, tais como:

  • Redução da gordura localizada
  • Diminuição do edema e da inflamação
  • Uso de ingredientes que consigam agir nas camadas mais profundas da pele, onde as células de gordura estão localizadas

Celulite: como tratar?

Atualmente, os ativos nanoencapsulados estão a nosso favor no tratamento da celulite. Eles facilitam a permeação de ativos que reduzem a gordura acumulada onde ela é formada. 

Além dos ativos nanoencapsulados, no tratamento da celulite é importante que os produtos consigam detoxificar o organismo e diminuir o depósito de gordura nas células adiposas. 

Aliando-se o tratamento estético com uma alimentação adequada, é possível obter resultados melhores e mais eficientes. Portanto, a parceria entre clientes, profissionais da estética e nutricionistas é fundamental. 

Como acabar com a celulite com o auxílio de um profissional de estética 

Como mencionado no post sobre como se forma a celulite, existem diferentes tipos de celulite, que variam conforme a gravidade do problema. 

O auxílio de um profissional para a avaliação correta é imprescindível para acabar com a celulite. Principalmente nos casos mais graves como por exemplo, nos graus 3 e 4. Pois ele consegue oferecer um plano de tratamento mais adequado para cada caso. 

A Extratos da Terra indica um protocolo de tratamento muito eficiente, o “Protocolo Redutor Magic 3C”

Como mencionado anteriormente, é fundamental no tratamento da celulite que os produtos tenham ação detoxificante e anti-inflamatória, bem como propriedades para redução da gordura localizada. 

Ficou interessada em testar esse tratamento? 

Então, clique abaixo e faça o download do passo a passo 😉 

Enquanto você baixa o seu protocolo, vamos entender como cada etapa do protocolo age fisiologicamente para acabar com a celulite.

1 – Esfoliação: reduz a barreira contra a permeação de ativos.

A principal função da esfoliação nesse tratamento é diminuir a espessura da camada córnea da pele. Isso faz com que os ativos tenham mais facilidade de permeação. 

A pele do corpo é naturalmente mais espessa do que a do nosso rosto. Se ao fazer um tratamento estético você não realizar algum tipo de esfoliação, o tratamento todo pode ser comprometido. Isso acontece porque grande parte dos ativos provavelmente ficará retida na camada mais superficial da pele.

2 – Tonificação: melhora a comunicação celular e prepara a pele para o tratamento.

O segundo passo do protocolo é realizado com o Fluido Firmador. Ele tem aqui a principal função de melhorar a comunicação celular e de preparar a região para lipólise e para a reabsorção do edema.

A melhora da comunicação celular acontece entre as células da epiderme e da derme com as células da hipoderme. Através da secreção de um mensageiro endógeno que ativa a lipólise, ou seja, a liberação de glicerol e de ácidos graxos pelos adipócitos.

Ludicamente, é como se as células da epiderme e derme “batessem um papo” com a célula da hipoderme, solicitando que os adipócitos presentes na hipoderme começassem a realizar o esvaziamento de gordura dessas células.

Já na reabsorção do edema, o fluido melhora a microcirculação, facilitando a eliminação do líquido que fica estagnado entre as células. 

3 – Máscara detox e ativadora: diminui o edema e detoxifica.

O terceiro passo do protocolo tem como principal função eliminar líquidos e toxinas da pele. Para isso, a Máscara Corporal, através da carga negativa da bentonita, consegue absorver grande quantidade de toxinas e de impurezas da pele. Como resultado, tem-se a eliminação desses rejeitos ativando a microcirculação.

É como se fornecesse energia ao sistema circulatório para que ele volte a funcionar adequadamente. Por consequência, as toxinas que estão paradas no local, provocando o edema e a inflamação, são eliminadas. 

Esse passo é muito importante, pois, quando o edema diminui, consegue-se mais oxigenação das células. Isso melhora o transporte de nutrientes e a comunicação entre as células.

4 – Massagem modeladora: reduz medidas e celulite.

Essa é a parte que efetivamente vai agir na redução do aspecto da celulite. Nesse passo, usam-se ativos 100% nanoencapsulados e um fluido ativador que é o Kit Magic 3C

A forma nanoencapsulada dos ativos é importante para que se consiga ultrapassar a barreira de proteção da pele e para que os ativos ajam na redução das células de gordura. 

Os ativos presentes nessas cápsulas são os óleos de cártamo, de coco e de camellia sinensis. Esses três óleos juntos aceleram o metabolismo, atuando como catalisadores da queima de gordura. Além de ativar a microcirculação e atuar como anti-inflamatórios, agindo, portanto, nas principais causas da celulite. 

Essas nanocápsulas são ativadas pelo fluido, o mesmo usado no passo 2. A função dele nesse passo, é facilitar o processo de comunicação celular para estimular a lipólise e fortalecer as fibras de colágeno e elastina. Desta forma, as fibras voltam a dar sustentação e firmeza à pele. Além, é claro, de transformar as gotas das ampolas em um creme que facilite a massagem modeladora.

Rendimento

O Fluido Firmador também possui um diferencial importante quando se fala em rendimento. Com ele, é possível aumentar o tempo de realização das massagens quando o creme for absorvido. 

Ele funciona da seguinte maneira: quando aplicado pela primeira vez sobre as gotas do Magic 3C, o fluido ativa as cápsulas. Como resultado, as gotas viram um creme e proporcionam o deslize perfeito para as manobras de massagem. À medida que a pele absorve esse creme, é possível fazer com que ele volte a aparecer na pele. Basta para isso, apenas borrifar novamente o fluido no local.

Dessa forma, você consegue maior tempo de manobra de massagem com as mesmas gotas iniciais das ampolas.

O produto resulta em excelente rendimento e altos resultados. Pois as gotas do Sérum Magic 3C vão agir nas causas da celulite ao serem absorvidas, e o fluido vai aumentar a potência das nanocápsulas por estimular a comunicação das células.

Gostou deste conteúdo? Então comente aqui e nos acompanhe nas redes sociais, pois temos muitas dicas para auxiliar você no seu dia a dia!

Compartilhe este conteúdo!

O tratamento na Medida Certa para sua cabine

Hoje em dia o procedimento mais procurado em clínicas estéticas e até mesmo cirúrgicas é a redução de gordura localizada, não é mesmo? Independentemente do tratamento a ser feito, o objetivo é o mesmo: diminuir a numeração das roupas.

Sabemos o quão importante é o processo de redução para a saúde física e/ou emocional. Sabemos também o quanto é possível melhorar a autoestima com uma simples passada no espelho quando você vê algo que te faz se sentir bem consigo mesma. O problema é que nem sempre esse processo é rápido e fácil. Quando optamos por tratamentos estéticos para redução de medidas, usamos técnicas de massagem com cosméticos que vão favorecer a quebra das moléculas de gordura do organismo por meio de um mecanismo conhecido como lipólise. O resultado dessa quebra de gordura é a formação de energia. Por isso, é indicado fazer exercício físico, principalmente pós-procedimento.

Pensando nisso, a Extratos da Terra desenvolveu o Protocolo Medida Certa, uma perfeita combinação de produtos com ativos liporredutores de alta tecnologia e aplicação alternada, conferindo assim estímulos diferentes na semana  para se obter um melhor resultado em cabine.  

A proposta desta abordagem é a aplicação de protocolos diferentes na mesma semana. A ideia é semelhante àquela adotada em treinos nas academias. Quem frequenta a academia normalmente tem uma sequência e graus de dificuldade dos exercícios alternada entre uma semana e outra para que o corpo não se acostume e para que o gasto energético seja maior. Essa teoria é embasada em estudos como os da Universidade de Loughborough, onde os investigadores confirmaram que, à medida que o corpo se adapta ao exercício, o metabolismo em descanso fica mais lento, e não mais rápido. Em outras palavras, isso quer dizer que, quando o corpo se acostuma a uma rotina de exercícios ou tratamentos estéticos, a perda de peso ou de medidas fica mais difícil em vez de se tornar mais fácil.

Quando você realiza os mesmos procedimentos todas as sessões, o corpo passa a se acostumar com os mesmos estímulos e frequências, passando a entender aquilo como algo normal, como uma rotina, e não vê mais como um estímulo que deva ser superado. Como consequência, a redução de medidas vai ficando mais lenta. A solução então é alterar entre um protocolo e outro, assim o corpo não se adapta aos mesmos estímulos nem aos mesmos cosméticos, reconhecendo que está sendo realizado algo novo.

Pensando nessa diferenciação, o Protocolo Medida Certa, trabalha diferentes estímulos e diferentes meios para redução, alternando entre um tratamento em um dia com nanopartículas, que propicia uma penetração de ativos mais elevada, e em outro dia trabalhando com o uso de cosméticos termogênicos. Sendo assim, esse tratamento foi dividido em duas partes. Alterna-se a parte 1 na primeira sessão da semana e a parte 2 na segunda sessão da mesma semana, e assim sucessivamente. Por exemplo, se a cliente comparece em cabine nas segundas e nas quintas, nas segundas ela receberá o Medida Certa parte 1 e nas quintas o Medida Certa parte 2.

O protocolo Parte 1 tem a tecnologia de nanoencapsulados que penetra nas camadas mais profundas da epiderme, ultrapassando o alcance de produtos convencionais. Ele proporciona a liberação gradativa do ativo da fórmula, com duração de no mínimo 8h após a sua aplicação. Já o protocolo Parte 2 possui produtos lipotérmicos que ativam a microcirculação e promovem o aquecimento da pele. Nessa parte o protocolo estimula a lipólise e reduz medidas.

Vale lembrar da indicação do produto para uso em casa, o Home Care, que potencializa em média 40% do resultado em cabine. Ficou curiosa para  conhecer esse protocolo? Então, corra e baixe agora mesmo! É só clicar aqui. 🙂

Conheça e teste os benefícios dos produtos desenvolvido pela Extratos da Terra em nosso site, extratosdaterra.com.br ou em um de nossos distribuidores.

Experimente!

 

Como prevenir manchas de sol na pele

O surgimento de manchas de pele antes não vistas no espelho é muito comum nas estações mais quentes do ano. O Sol e as temperaturas cada vez mais altas castigam a pele, favorecem o fotoenvelhecimento e o ressecamento e deixam a pele sensibilizada – muitas vezes sem a capacidade principal de prevenir os danos causados pelos raios UVA e UVB.

Acontece assim: os raios penetram na pele de forma profunda e estimulam a produção da melanina, que nos protege dos danos causados por esses raios. Com o passar do tempo, os danos causados por essa radiação se acumulam e a melanina se concentra em algumas regiões formando manchas escuras.

Se a pele estiver com seu manto hidro lipídico e sua barreira saudável a proteção será maior. Porém, a idade e os fatores hormonais podem contribuir para que as manchas apareçam. Na gestação, por exemplo, a alteração hormonal possibilita a formação de manchas chamadas de cloasma gravídico. A idade também contribui, já que a defesa natural da pele fica defasada. Não somente gestação e a idade contribuem para aparecimento de manchas de pele, qualquer processo inflamatório pode resultar em uma mancha pós inflamatória exatamente pela concentração de melanina.

Prevenção é a palavra de ordem neste caso. O uso de FPS, chapéu, óculos e o cuidado com horário da incidência solar são fatores que contribuem para a prevenção. E a boa notícia é que algumas pesquisas apontam que manchas causadas mesmo após uso de filtro são mais fáceis de tratar. 

Para estar protegida, conheça nossa linha  Dermosoft Protect , produtos com testes de eficácia e com toque seco. Que pode ser associada ao cuidado diário com o uso do Dermosoft Revitalize Dermo Vit C, um produto com vitamina C pura nanoencapsulada, resveratrol e extrato de kakadú, a combinação completa que potencializa todos os cosméticos para qualquer biotipo e fototipo cutâneo. Uma combinação dessas vai te proteger como nenhuma outra! 😉

Celulite: como se forma

A celulite é um problema que pode ir além da estética. Pode se agravar, causando dor, e até mexer com a sua autoestima. Ela acomete sobretudo as mulheres, independentemente da idade. Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia, cerca de 90% das mulheres sofrem com esse problema. 

Mas você sabe por que os homens não costumam ter celulite?

Hoje você vai entender o que é a celulite, por que ela ocorre e por que os homens são privilegiados nesse assunto.

O que é como se forma

Primeiramente, a celulite é um acúmulo de gordura nas células adiposas e também resulta do excesso de líquido entre as células. Essas características geram algumas alterações na pele, como por exemplo ondulação, inflamação e, em casos mais graves, dor no local.

Vamos simplificar tudo isso para que você consiga entender as causas da celulite e também para que possa identificar qual a melhor forma de tratá-la. 

Para ficar mais fácil de entender, veja a imagem abaixo. A imagem da esquerda é uma representação da pele sem celulite e a da direita com celulite. 

Formação da celulite

Observe as “bolinhas” amarelas que ficam abaixo da derme, elas são as células adiposas que armazenam gordura. Na pele em condições equilibradas (pele sem celulite), essas células são pequenas e bem distribuídas. 

Mas o nosso corpo tem a capacidade de armazenar a energia que consumimos, na forma de alimentos, em gordura para usá-la quando passamos por algum momento de restrição alimentar, por exemplo.

Esse armazenamento ocorre nas células adiposas. À medida que o corpo vai armazenando essa gordura, as células adiposas aumentam de tamanho. Por consequência, vão comprimindo os vasos, as fibras de colágeno e as outras camadas de pele acima. 

Você consegue ver que na figura à direita não há mais espaço entre as células por causa desse aumento do tamanho dos adipócitos? 

Então, como resultado da compressão dos vasos e da falta de espaço, ocorre uma má circulação do sangue, e com isso menos oxigenação e nutrição chega às células. Além disso, os líquidos que ficam entre as células não são mais drenados de forma adequada, ocasionando o edema e o inchaço. 

O edema, somado ao aumento das células adiposas, puxa as fibras de colágeno para baixo. Como resultado, forma depressões na superfície da pele que são vistas como as ondulações e o conhecido aspecto “casca de laranja”.

Por que os homens não possuem celulite?

Bom, você pode estar se perguntando, mas se a causa da celulite é o aumento do tamanho das células de gordura e o edema, por que ela não acontece nos homens?

Existem dois motivos para isso: o primeiro é o hormônio feminino estrogênio, e o segundo é a estrutura anatômica da pele.

1 – Hormônio estrogênio

O hormônio feminino estrogênio facilita o acúmulo de líquido na pele, causando o edema que agrava essa compressão do tecido. 

Os homens, por outro lado, possuem a testosterona (hormônio masculino), que aumenta o metabolismo e evita o edema. 

Exatamente! Eles têm mais sorte 😉

2 – A estrutura da pele dos homens é diferente 

Nas mulheres, a camada de gordura está organizada verticalmente, permitindo assim maior acúmulo de gordura. Já nos homens, as camadas são organizadas em diagonal em pequenas unidades, que não conseguem acumular tanta gordura, evitando assim a celulite.

Veja a diferença da estrutura da pele dos homens e mulheres na figura abaixo.

Celulite: pele do homem e da mulher

Perceba que a organização em diagonal do colágeno não permite que as fibras sejam facilmente  puxadas para baixo como acontece na pele das mulheres. Como resultado, não se formam ondulações na pele dos homens. 

Homens, vocês são pessoas de sorte!

Dicas de como diminuir a celulite

As mulheres não precisam se desesperar, tudo tem solução! 

É possível, sim, diminuir o temido aspecto “casca de laranja”. Confira algumas dicas:

  • Faça mais exercícios físicos, pois eles aumentam o metabolismo e ajudam a queimar gordura. Além disso, ainda melhoram a circulação.
  • Tome mais água, hidratar o corpo é fundamental
  • Por último e não menos importante: use cosméticos de alta tecnologia para atuar direto no problema, aumentando a circulação local e o metabolismo e auxiliando na perda de gordura. Assim, você ganha um importante aliado nesse processo.

Para descontrair e entender um pouco mais o tratamento da celulite, a Extratos da Terra fez um vídeo especial sobre o assunto. Confira:

Tratamento

Sobre o uso de cosméticos para reduzir a celulite, você pode tratar o problema em casa com tecnologias diferenciadas, produtos nanoencapsulados, produtos concentrados e eficientes. Outra opção é procurar um profissional da área da estética. 

Para poder escolher qual dessas opções é a melhor, você precisa entender que a celulite possui graus diferentes, que são definidos pelas condições da pele. 

A celulite é dividida em quatro graus:

  • Grau 1: as ondulações irregulares na pele surgem apenas quando você comprime a pele.
  • Grau 2: as ondulações e os “furinhos” já podem ser percebidos sem comprimir a pele.
  • No grau 3: é possível perceber alguns nódulos ou saliências bem evidentes
  • Grau 4: a pele apresenta vários nódulos, é uma celulite “dura”. Há inchaço, comprometimento da circulação no local, a pele tem aspecto acolchoado e normalmente apresenta dor ao se comprimir o tecido. 

Nos graus 1 e 2, a celulite é mais fácil de ser tratada, o que pode até mesmo ser feito com dermocosméticos anticelulíticos. Já nos graus 3 e 4, normalmente a pele está em um processo inflamatório e, nesse caso, é bom procurar o auxílio de  um profissional de estética para tratar o problema. 

Gostou do conteúdo? Então compartilhe com quem você acha que também vai gostar! 

VITAMINA C PARA A PELE: TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER PARA ESCOLHER A SUA!

A vitamina C para a pele é um poderoso antioxidante que combate a formação dos radicais livres, ou seja, ela tem a capacidade de proteger as células contra os danos provocados por diversas reações naturais do corpo humano ou pela exposição ao sol. Essas reações estão normalmente relacionadas ao envelhecimento da pele. 

Dessa forma, a vitamina C evita o envelhecimento precoce por proteger as células bem como por auxiliar na produção de colágeno de qualidade e evitar também a sua degradação.

Portanto, o uso de vitamina C na pele é uma das formas de se evitar o envelhecimento, mantendo as células sadias. Por outro lado, diminui os sinais da idade por proporcionar um colágeno de qualidade e bem organizado. Com isso, tem-se o aumento da firmeza da pele. 

Porém, a vitamina C não é produzida pelo organismo, sendo necessária a ingestão ou aplicação de produtos na pele que contenham essa vitamina.

Quando falamos em produtos com vitamina C para a pele, existem inúmeras possibilidades e opções no mercado. Por isso, hoje vamos falar de alguns fatores importantes para serem observados quando você estiver escolhendo a sua vitamina C. 

Toda vitamina C para a pele é igual?

De antemão, a resposta é não! Existem diferentes tipos de vitamina C. Vamos entender por que isso ocorre?

A molécula pura de vitamina C é chamada de ácido ascórbico. Essa é a forma biológica dela como encontramos na natureza e na alimentação. Porém, quando usada na pele, a vitamina C é muito instável e perde a sua eficiência com certa facilidade por uma reação chamada de oxidação. Além disso, o ácido ascórbico se mistura na água e tem afinidade por ela, e por isso a sua permeação na pele é dificultada, já que a camada mais superficial é impermeável à água, ou seja, essa camada repele substâncias que se misturam na água. 

Então, diferentes formas de vitamina C foram desenvolvidas pela indústria para que se pudesse ter produtos de alta eficiência com vitamina C. Dessa forma, surgiram as derivações de vitamina C, que nada mais são do que algumas modificações na estrutura química da vitamina C pura para deixá-la mais resistente e com maior afinidade com as camadas de proteção da pele, porém com os mesmos benefícios. 

Como a vitamina C pura é a forma ativa na pele, é mais fácil de ser reconhecida por ela. Em contrapartida, por ser muito instável, muitas vezes a vitamina C perde a sua eficiência antes mesmo de ser aplicada na pele e tem dificuldade de entrar nela. Agora, as vitaminas C derivadas não têm esse reconhecimento imediato na pele, mas são mais estáveis e garantem que o ativo tenha eficácia por mais tempo. 

Dessa forma, tanto a vitamina C pura quanto as suas similares apresentam os mesmos benefícios antioxidantes na pele, apesar de terem uma estrutura química diferente.

Ainda assim, é importante avaliar outros fatores na hora de escolher a sua vitamina C para a pele. Isso porque, dependendo da embalagem e concentração, alguns produtos têm vantagens extras. Vamos ver mais à frente como a embalagem influencia na eficácia e como não podemos só considerar a concentração de vitamina C na hora de escolher o seu produto. 

Vitamina C pura, nanoencapsulada e vetorizada, qual a diferença?

Além de ter estruturas químicas diferentes, a vitamina C pode estar na sua fórmula livre, nanoencapsulada ou vetorizada. Nesses casos, a diferença principal está no poder de absorção na pele e na resistência à oxidação.

No caso da vitamina C pura, apesar de ser mais fácil de ser reconhecida na pele, ela pode demorar para ser absorvida. E como é um ingrediente estável, ela também pode perder eficácia até conseguir fazer isso.

Já as fórmulas nanoencapsuladas garantem a estabilidade do ingrediente, pois existe uma cápsula que protege a vitamina C contra a oxidação. Essa cápsula também é de tamanho muito pequeno, fazendo com que a vitamina C consiga chegar até as camadas mais profundas, tendo com isso a sua ação antioxidante potencializada. 

Igualmente como as nanoencapsuladas, a vitamina C vetorizada está protegida por outros componentes ligados a ela e que direcionam essa vitamina C para as camadas mais profundas, dificultando a oxidação e preservando os seus benefícios. 

Embalagem x eficácia da vitamina C

Chegou a hora de entender como a embalagem pode ser tão importante em produtos com vitamina C para a pele. 

Na hora de comprar a vitamina C, verifique em que embalagem ela está armazenada. As mais seguras e que não permitem a oxidação são as airless. Essas embalagens têm uma estrutura interna diferente das outras que não permite que a fórmula entre em contato com o ar. Isso é importante porque é o oxigênio que promove a reação de oxidação, ou seja, em contato com o oxigênio a vitamina C tem grande chance de perder a sua função antioxidante. 

Veja como é a estrutura interna de uma embalagem airless e como ela funciona:

Como funciona uma embalagem airless

Em outras palavras, embalagens como bisnagas e frascos comuns permitem a entrada de ar pela saída do produto, e assim a vitamina C tem mais chance de perder a sua eficácia. 

embalagem airless da vitamina C

Por outro lado, embalagens airless não permitem o contato com o ar, o que garante que a vitamina C não oxide antes mesmo de ser usada na pele. 

Por exemplo, imagine que você está comprando uma vitamina C pura, que, como já vimos anteriormente, é a mais bioativa na pele, porém mais instável. Esse produto está armazenado em uma bisnaga comum, do tipo que, quando você abre a tampa para usar, consegue ver o produto. Bom, aqui temos dois fatores de risco para a oxidação: ela está pura e está em contato direto com o ar. 

Por outro lado, tem outra vitamina C que possui uma vitamina C nanoencapsulada e que está em uma embalagem do tipo airless. Esta, por sua vez, está duplamente protegida pela cápsula da vitamina C e pela embalagem que não permite o contato com o oxigênio. Portanto, é provável que esta última tenha mais eficácia quando comparada à anterior. 

Concentração vitamina C x resultado

Achar que quanto mais vitamina C um produto tiver melhor o seu resultado é comum e até parece que faz sentido, porém é um grande mito.

Não é uma concentração maior de vitamina C que vai garantir o melhor resultado. Já vimos antes que a embalagem e o tipo de vitamina C fazem diferença na eficácia de um produto. Por isso, não adianta ter altas concentrações se a vitamina C oxida antes de usar. 

Outro estudo em relação à vitamina C foi publicado no Journal of Clinical and Aesthetic Dermatology, que mostrou que uma vitamina C com concentração acima de 20% não aumenta os benefícios para a pele; pelo contrário, pode causar irritação.

Esta é mais uma amostra de que nem sempre só uma concentração mais alta de um ingrediente significa que o produto trará mais resultados. 

Outro fator a se considerar é quando se compara a concentração de uma vitamina C na sua forma livre com a de uma vitamina C nanoencapsulada. Vários estudos mostram que as nanocápsulas potencializam os resultados em até 10 vezes em comparação ao ativo livre. Ou seja, uma vitamina C nanoencapsulada pode ter menor concentração do que uma em sua forma livre ou pura, mas com efeitos iguais ou melhores. 

Outro fator ainda é que muitas vezes a vitamina C está associada ou combinada com outros ativos, os quais vão potencializar os seus efeitos, e como temos inúmeros outros ingredientes, há uma imensa combinação que pode ser feita e diferentes resultados. Portanto, não é só concentração que importa. 

O Sérum Vit C é a vitamina C mais completa para a pele

Nós da Extratos consideramos todos esses fatores quando a nossa vitamina C foi desenvolvida. Ela é nanoencapsulada e está em uma embalagem airless sem contato com o oxigênio. Além disso, foi submetida a testes em laboratórios especializados que comprovaram que o Sérum Vit C não oxida.

Nossos testes revelaram que a nossa vitamina C possui estabilidade de 98% mesmo quando exposta a temperaturas elevadas, mostrando ser estável por longos períodos. 

vitamina C para a pele
Sérum Vit C

Além disso, ela possui uma combinação de superantioxidante e mais de um tipo de vitamina C em sua formulação. Possui, além da vitamina C nanoencapsulada, o extrato de kakadu, fruta com a maior concentração de vitamina C do mundo. O kakadu possui cerca de 100x mais vitamina C que a laranja. O extrato de kakadu promove resultados visíveis na pele com a redução das rugas, o aumento da firmeza, o preenchimento de linhas de expressão, mais brilho em peles opacas e envelhecidas e redução do aspecto avermelhado e uniformização do tom da pele. Confira o resultado somente desse ativo na redução de rugas em 30 dias com aplicação de duas vezes ao dia.

Redução de rugas com o Extrato de Kakadu
Redução de rugas com o Extrato de Kakadu

Maravilhosa essa diferença, não é mesmo? Imagina então o extrato de kakadu associado à vitamina C nanoencapsulada mais o ácido ferúlico e o resveratrol? Esse resultado é potencializado!

O Sérum Vit C, além do seu efeito antioxidante, também tem outros benefícios como:
Serum Vit C
  • Facilita a distribuição de vitamina C em todas as camadas da pele
  • Hidrata a pele de forma prolongada
  • + 144% de colágeno tipo I
  • + 59% de ácido hialurônico
  • – 73% rugas e linhas de expressão
  • Previne e trata os sinais de envelhecimento
  • Uniformiza o tom da pele Facilita a distribuição de vitamina C em todas as camadas da pele
  • Hidrata a pele de forma prolongada
  • + 144% de colágeno tipo I
  • + 59% de ácido hialurônico
  • – 73% rugas e linhas de expressão

Ainda assim, o Sérum Vit C passou por testes de eficácia para comprovar os seus efeitos perceptíveis para quem usa o produto. 

Esses testes revelaram que, com apenas 30 dias de uso do sérum, os voluntários perceberam grande melhoria na pele. Confira os resultados abaixo:

  • 73,3% das voluntárias acharam que o produto reduziu/suavizou as rugas e linhas de expressão
  • 73,3% acharam que o produto melhorou a firmeza da pele
  • 76,7% perceberam que o produto uniformizou o tom da pele
  • 76,7% disseram que o produto deixou a pele com aspecto mais jovem
  • 86,7% sentiram a pele mais hidratada
  • 63,3% acharam que o produto promoveu o clareamento da pele (redução de manchas)
  • 76,7% perceberam a pele mais luminosa
  • 86,7% disseram que o produto não deixou a pele oleosa

Que a vitamina C é ótima para manter a pele saudável e diminuir os efeitos da idade quase todo mundo já sabe. Mas você tinha ideia de todos esses detalhes sobre esse ingrediente?

E agora, já montou o seu checklist de observações para quando for escolher a sua vitamina C?

A eficácia da tecnologia dos nanoencapsulados

Os ativos nanoencapsulados são uma parte da evolução nos tratamentos estéticos e dos dermocosméticos. Eles trazem inúmeros benefícios, entregando muito mais resultado em menos tempo de uso. 

Sendo assim, essa tecnologia levou a uma cosmetologia avançada, sendo possível maior interação dos produtos com a pele. Hoje conseguimos ultrapassar a barreira protetora sem causar desequilíbrio na sua proteção. Isso quer dizer que, diferentemente do passado, conseguimos que um ativo tenha ação nas camadas mais profundas da pele sem a necessidade de uso de peelings agressivos que descamam e tiram toda a camada protetora. 

O que são ativos nanoencapsulados

Primeiramente, os ativos nanoencapsulados são ingredientes incorporados em produtos de tratamento para a pele. Eles têm um tamanho minúsculo, menor que 100 nanômetros – um nanômetro equivale a um bilionésimo do metro. Para você entender a dimensão desse tamanho, veja alguns exemplo a escala comparativa abaixo:

comparação dos ativos nanoencapsulados e outras referências

Esse tamanho muito pequeno facilita que os ingredientes ativos penetrem entre as células das camadas da epiderme, vencendo assim a barreira da nossa pele que bloqueia as substâncias do ambiente externo.

Mas não é só o tamanho que diferencia os ativos nanoencapsulados. O ingrediente que irá tratar a pele está dentro de uma nanocápsula. A construção é similar a uma pílula em que o medicamento é fechado dentro de uma cápsula. Da mesma forma as nanocápsulas, guardam em seu interior as substâncias que vão tratar a pele.

Então, após a permeação na camada superficial, essa cápsula vai direcionando o ingrediente ativo até chegar ao local exato onde ele deve agir. Para isso, a cápsula vai se desmanchando e criando a sua própria trilha na pele para chegar ao local de ação. 

permeação dos ativos nanoencapsulados

Por exemplo, um ativo nanoencapsulado para redução da celulite precisa agir na camada de gordura da pele, então, a cápsula desse ativo vai direcionando até esse local

A Extratos da Terra tem nanotecnologia

Em 2006, a Extratos da Terra lançou o primeiro produto com nanotecnologia para uso corporal. Desde então, muitos outros produtos foram desenvolvidos com os ingredientes nanoencapsulados.

Isso porque a Extratos tem em sua missão levar aos clientes resultados eficientes, ao mesmo tempo protegendo a saúde da pele. Nesse sentido, a nanotecnologia nos permite aplicar o conceito de química verde, com ativos seguros, biodegradáveis e biocompatíveis – bons para o planeta e para a nossa pele.

Então, os produtos com nanotecnologia da Extratos da Terra têm liberação prolongada por até 12 horas, e muitos produtos conseguem resultados excelentes com 30 dias de uso.

Alguns produtos que possuem ativos nanoencapsulados 

Sérum Vit C – com vitamina C e resveratrol nanoencapsulados para tratar e prevenir o envelhecimento

Magic 3C e Nano Shower – com blend de óleos nanoencapsulados para o tratamento da celulite

Sérum Potencializador e Sérum Concentrado – com cafeína nano para redução de gordura localizada

Creme Firmante – com DMAE nano para melhora da firmeza da pele

Sérum Melan T-block e M-solution – com nano alfa-arbutin para o tratamento de manchas de pele. 

Ícones de nanotecnologia da Extratos da Terra

Esses são apenas alguns exemplos de produtos com nanotecnologia. Você pode encontrar no nosso site outros produtos como esses que tenham a identificação de nanotecnologia igual à do ícone ao lado.

Gostou do conteúdo? Compartilhe com quem você acha que vai gostar também 😉

Ativos Vetorizados: o segredo da eficiência dos produtos contra celulite e estrias

A indústria cosmética, com auxílio da tecnologia, tem produzido cada vez mais produtos que atuam na melhora do aspecto da pele, de sua textura e no prolongamento da ação dos ativos utilizados, tornando os cosméticos mais eficientes e procurados. Para isso, buscam-se métodos que alcancem naturalmente as camadas desejadas da pele, de forma a atuar diretamente no foco das estrias e celulites. Um dos métodos mais atuais são os ativos vetorizados, que ajudam nesta penetração do ativo, passando facilmente pelo estrato córneo – camada mais externa da pele – que funciona como uma barreira protetora da pele.

Esse é o segredo da eficácia dos produtos que possuem ativos vetorizados: os ativos ganham poder e ultrapassam a barreira natural da pele, tratando com alta eficiência as celulites e estrias mais intensas.

Entre os ativos vetorizados que se destacam estão os silícios orgânicos, também conhecidos como silanóis. Compostos por moléculas orgânicas reagidas com silício, os silanóis garantem maior permeação e mais tempo de ação do ativo no tecido adiposo, sendo eficientes no combate à celulite e na prevenção de estrias.

A chave para desenvolver um bom produto é fazer com que estes poderosos ativos anticelulite e antiestrias exerçam 100% sua função. Para isso, o laboratório da Extratos da Terra desenvolve produtos com ativos vetorizados, como é o caso do Bioplant’s Creme de Massagem e do Lipofeme Gel-Creme Anticelulítico. Conheça agora os produtos da Extratos que possuem essa tecnologia.

O Bioplant’s Creme de Massagem possui ação drenante e antifibroses, muito indicado para uso pré e pós-cirúrgico. Ele tonifica a pele, mantendo-a firme e hidratada por muito mais tempo. Seus ativos vetorizados auxiliam no controle da celulite e na regeneração da pele.

Confira os ativos poderosos presentes na fórmula:

  • Complexo botânico CCG (cavalinha, hera, Ginko biloba, arruda e castanha-da-índia): melhora a circulação periférica e auxilia na epitelização e regeneração tecidual, além de ser ótimo estimulante metabólico e hidratante;
  • Proteínas estruturais (Hydroxyprolisilane CN®, Complexo de Elastina e Colágeno Hidrolisado): regeneram a pele e previnem o ressecamento e o envelhecimento cutâneo;
  • Silanol: silício orgânico ligado à xantina (ACEFILINA), com resultados superiores à cafeína. Ação liporredutora.

Por sua vez, o Lipofeme Gel-Creme Corporal Anticelulítico é um produto elaborado com nanotecnologia e também atua como antifibroses e antiedemas. Seus ativos melhoram o aspecto acolchoado da pele e o efeito “casca de laranja” causado pela lipodistrofia ginoide (celulite). Ele ainda auxilia na diminuição do acúmulo de gordura localizada e melhora a produção de colágeno, tornando a pele mais firme, lisa e hidratada. Essa ação mágica dos ativos presentes no produto independe de massagem para obtenção dos resultados esperados – basta aplicar e esperar que o produto seja absorvido!

Confira os ativos poderosos presentes na fórmula:

  • Complexo silanóis (Xantalgosil®, Argisil® e Hydroxyprolisilane CN®): normaliza a renovação celular e estimula a produção do colágeno. Possui ação antiglicação (proteção do colágeno), liporredutora, lipolítica, cicatrizante, firmadora e antiestrias. Atua de forma acentuada sobre os processos regenerativos e normaliza a renovação celular;
  • Complexo venotônico: rico em bioflavonoides, como a rutina, que auxilia no fortalecimento de vasos capilares, reduz os sintomas e previne edemas nas pernas, além de melhorar a microcirculação e minimizar reações inflamatórias e alérgicas;
  • Gel-Creme (nanoemulsão): não oclusivo. Auxilia na penetração dos ativos, permitindo e potencializando sua atividade até a camada basal. Toque seco, suave e sedoso.

Expressões como nanotecnologia, ativos encapsulados, nanosferas e ativos vetorizados podem parecer muito complicados, mas possuem um significado muito simples. Esses termos sinalizam que as funções do produto vão além da penetração dos ativos na pele: a tecnologia permite que o produto seja reconhecido pelas células e permaneça por mais tempo nela, perpetuando o tratamento. Ao escolher os melhores produtos para os seus tratamentos estéticos, lembre-se desses termos e procure por princípios ativos como cafeína, Centella asiatica, retinol, Ginko biloba e silanol.

Aproveite a dica, bom trabalho e sucesso! 🙂